//
id.126
Jornalismo_Digital

Multiplatarforma é tema de congresso da Abraji

Ruan Melo

O jornalismo não está mais restrito à divulgação de informações pela televisão, rádio e jornal impresso. Com o tempo, as empresas de comunicação perceberam que a expansão para outras mídias digitais, além de atingir um número diversificado de pessoas, acabou tornando-se mais lucrativo. É pensando nas mudanças do jornalismo que a Associação Brasileira de Jornalismo investigativo (Abraji), terá como um dos temas do seu 7° Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo, as multiplataformas.

Jornais de renome nacional há muito tempo produzem conteúdo especial para ser lançado em mais de um suporte. Exemplo disso é a criação do “O Globo a Mais”, aplicativo do jornal O Globo para iPad, e a TV Folha, programa exibido aos domingos na TV Cultura e que também é transmitido ao vivo pelo site da Folha.com.  Ascanio Seleme, diretor de redação de O Globo e Sérgio Dávila, editor-executivo da Folha de S.Paulo, irão falar sobre os benefícios e os desafios da transição para múltiplas plataformas de comunicação.

O jornal do O Estado de S. Paulo lançou, no dia 27 de maio, o E-voto, um aplicativo exclusivo para tablets dedicado ao noticiário de eleições. Dividido em seções, o agregador, inédito no Brasil, servirá para que os eleitores acompanhem os passos dos seus candidatos na corrida política.

Para o repórter de O Estado de S.Paulo, Lourival Sant’Anna, com o surgimento de inúmeras plataformas de comunicação, foram sendo criadas diversas formas de apuração das notícias. O jornalista não é mais a figura que restringe sua atuação a uma caneta e um bloquinho de anotações. Quanto mais recursos ele puder utilizar na apuração das notícias, como gravações de áudio ou câmeras, por exemplo, mais diversificada será a sua reportagem.  A cobertura pelo Twitter e a divulgação dos vídeos no Youtube e nas redes sociais alcançam uma audiência bem maior do que apenas a publicação no jornal impresso.

Congresso

O 7º Congresso da Associação Brasileira de Jornalismo investigativo (Abraji) será realizado em São Paulo de 12 a14 de julho. As inscrições já estão abertas  e podem ser feitas no site da Abraji. Estão confirmados para o evento cerca de 130 palestrantes de mais de 70 países diferentes.

Além do jornalismo em multiplataforma, outros temas a serem abordados pelos jornalistas serão as eleições municipais, direito de acesso a informações públicas e megaeventos esportivos, em especial Copa de 2014 e Olimpíadas de 2016. Eliane Brum, Juca Kfouri, Elvira Lobato, Míriam Leitão, Eduardo Faustini, Roberto Cabrini, Dorrit Harazim, Marcelo Tas, André Trigueiro, Lourival Sant’Anna, Fernando Mitre e Sérgio Dávila são alguns dos nomes confirmados para o evento.

7º Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo

Quando: 12, 13 e 14 de julho de 2012

Onde: São Paulo – Universidade Anhembi Morumbi – campus Vila Olímpia – unidade 7 (Rua Casa do Ator, 275)

Inscrições: Associação Brasileira de Jornalismo investigativo

Investimento
Inscrição via internet  Inscrição na hora
Profissional Sócio R$270,00 R$330,00
Profissional Não-sócio R$440,00 R$500,00
Estudante (de Graduação) Sócio R$200,00 R$250,00
Estudante (de Graduação) Não-sócio R$290,00 R$350,00
Anúncios

Sobre impressaodigital126

produto laboratorial da Oficina de Jjornalismo Digital da Facom/UFBA

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: