//
id.126
Jornalismo_Digital

A revolução vai passar no iPad?

Por Marco Antonio Cruz e Monique Aguiar

News Corp CEO Rupert Murdoch walking away with iPad.

Na última segunda-feira (03), pouco depois do término da aula de Jornalismo Digital, li nos meu feeds uma notícia intrigante. O The Daily, jornal para iPad fundado em 2011, encerrou suas atividades com menos de dois anos de existência.

Para quem não lembra, o jornal foi lançado no início do ano passado com enorme estardalhaço tanto no campo da comunicação como da tecnologia. Não era pra menos, os nomes por trás do produto eram ninguém menos que o bilionário magnata das comunicações Rupert Murdoch (dono do terceiro maior conglomerado de mídia do mundo, News Corporation, que detêm empresas como a Twentieth Century FOX, The New York Post, The Wall Street Journal, e mais jornais e revistas que a fluidez do texto permite listar*) e Eddy Cue, vice-presidente de internet da Apple, empresa que criou o iPad e o mercado de tablets no mundo.

Na ocasião do lançamento do The Daily, a despeito de suas numerosas publicações impressas, Rupert Murdoch disse que o novo produto era a salvação da “combalida indústria” da mídia impressa. É interessante notar como todos os combalidos impressos do seu grupo viveram o suficiente para ir ao enterro do The Daily. E mais interessante ainda é a razão apontada por Murdoch para a morte prematura do caçula da família:

“Nós não conseguimos encontrar uma audiência rápida e grande o suficiente para nos convencer de que o modelo de negócios era sustentável a longo prazo.”

Se este choque de realidade no senso comum que apita incessantemente: “O impresso morreu e o iPad jogou a última pá de cal” não foi o suficiente, aqui vai uma dose extra. Para quem já lamentava o desemprego dos profissionais fabulosos que trabalhavam no The Daily (dentre eles jornalistas e designers premiados) vai ficar feliz de saber que eles foram redirecionados a outras empresas do grupo, principalmente para o The New York Post.

Estamos falando da derrocada de um jornal apontado no ano passado, por um dos maiores empresários do ramo, como o futuro da produção jornalística. E mais, estamos falando da assimilação dos seus profissionais por veículos que têm sido apontados como decadentes e que ganham destaque pelo seu alto número de demissões ao redor do globo.

Se há uma lição que a era do digital nos ensinou é que o mundo ficou mais veloz. Num dia o teletexto é o futuro, no outro é o passado. E, apesar de ser muito interessante analisar a evolução da prática jornalística digital na proporção em que esta acontece, vaticinar fins e começos de era pode se tornar algo embaraçoso. Parece que no veloz jornalismo digital até os jornais morrem mais rápido.

*As empresas vinculadas ao grupo News Corporation estão listadas aqui.

fonte: The Verge http://www.theverge.com/2012/12/3/3721544/the-daily-ipad-news-mag-shutdown-december-15th

Anúncios

Sobre impressaodigital126

produto laboratorial da Oficina de Jjornalismo Digital da Facom/UFBA

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: