//
id.126
Jornalismo_Digital

Mudar para manter

Por Anaíra Lôbo

O Jornalismo está em um processo de transformação, para além da mudança de plataforma. O modo de produção, edição e recepção do conteúdo jornalístico está mudando. Por isso, é pertinente a divisão da história do jornalismo na web em gerações, como explicita Luciana Mielniczuk em sua tese (2003).

Resolvi analisar os detalhes do site do jornal Brasil de Fato, do qual sou leitora principalmente na sua versão online, a fim de detectar em que geração do webjornalismo este se encontra. Compreendendo que estamos ainda num momento de transição entre as gerações e portanto de adaptações, considero o site (http://www.brasildefato.com.br) na segunda geração. Disponibiliza vídeos e fotos (multimídia), tem espaço de opinião do(as) leitore(as), possibilita fácil acesso ao banco de dados e a atualização é maior do que a produção semanal do jornal impresso. Além disso,a aparência do site já foge do padrão gráfico do impresso.

O Brasil de Fato passa por esta crise dos impressos, com o agravante de já ser um jornal com tiragem reduzida, não tem tanta popularidade quanto as grandes empresas jornalísticas nem tantos anunciantes.

Anúncios

Sobre impressaodigital126

produto laboratorial da Oficina de Jjornalismo Digital da Facom/UFBA

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: